Tiros causaram correria e pânico no local. Foto: Reprodução / Polícia da Dinamarca

Três pessoas morrem após tiroteio em shopping na Dinamarca

Um tiroteio em um shopping center na capital da Dinamarca, Copenhague, neste domingo (3), deixou três pessoas mortas e quatro gravemente feridas na ação. Um suspeito, um homem dinamarquês de 22 anos, foi preso.

Os tiros aconteceram na área da Praça de Alimentação do shopping, e causaram correria e pânico. A polícia dinamarquesa disse que as vítimas eram um homem de cerca de 40 anos e dois jovens, mas não foi divulgado mais detalhes, conforme a Associated Press.

O inspetor-chefe da polícia de Copenhague, Soren Thomassen, disse que os investigadores não acreditam que o ataque esteja relacionado a terrorismo. Ainda de acordo com a polícia, o suspeito tem histórico de problemas de saúde mental.

Além disso, a polícia afirma que não há indícios de que outra pessoa tenha participado do ataque, mas a investigação ainda está em aberto, e ainda é cedo para especular as motivações que levaram ao crime.

Um porta-voz do principal hospital da cidade, Rigshospitalet, afirmou que recebeu um pequeno grupo de pacientes feridos no incidente. O hospital também solicitou reforço da equipe médica, incluindo enfermeiras e cirurgiões.

Foto: Reprodução / Polícia de San Antonio

Número de migrantes mortos dentro de caminhão no Texas, sobe para 50

O número de migrantes mortos dentro de um caminhão na cidade de San Antonio, no Texas, perto da fronteira entre o México e os Estados Unidos, subiu para 50. O anúncio foi feito nesta terça-feira (28), pelo presidente mexicano, Manoel López Obrador.

Os migrantes foram descobertos dentro da caçamba de caminhão abandonado na segunda-feira (28) em uma estrada na cidade. No local, as temperaturas atualmente chegam a 39,4ºC.

Segundo as autoridades locais, não havia água, ventilação nem ar-condicionado dentro do caminhão. Os bombeiros relataram que os sobreviventes estavam “quentes ao toque, sofrendo de insolação, exaustão”.

Nos Estados Unidos, o Escritório de Imigração e Alfândega afirmou que está realizando uma investigação criminal com suspeita de evento de tráfico de humanos. O caso está sendo investigado em ambos os países.

Segundo o Ministério de Relações Exteriores do México, 22 dos 50 mortos eram mexicanos. Entre os sobreviventes, estão 16 pessoas que estavam dentro do caminhão, entre elas quatro crianças, que foram levadas com vida a um hospital local.

Um encontro bilateral foi marcado para 12 de julho, entre o presidente mexicano, e o líder dos Estados Unidos, Joe Biden, com o objetivo de debater soluções para a questão migratória entre os dois países.

Foto: Reprodução / Congresso dos Estados Unidos

Menina relata no Congresso dos EUA que fingiu estar morta para escapar de ataque em escola

Uma aluna do quarto ano da escola Robb Elementary, que sobreviveu ao tiroteio em massa em uma escola primária em Uvalde, no Texas, contou nesta quarta-feira (8) a membros do Congresso dos Estados Unidos como ela se cobriu com o sangue de um colega morto para evitar ser baleada.

Em um depoimento pré-gravado, Miah Cerrillo, de 11 anos, contou como ocorreu o ataque na sala em que ela estava. “Ele falou boa noite para minha professora e deu um tiro na cabeça dela. Eu pensei que ele ia voltar, então peguei o sangue e espalhei sobre mim”.

Ao perguntarem sobre o que ela queria que acontecesse em sua escola, ela respondeu: “Ter segurança. Não quero que isso aconteça de novo”.

Além de Miah, pais de jovens mortos e feridos em tiroteios em massa no país falaram nesta quarta-feira em um painel do congresso americano. O objetivo da audiência é propor um projeto de lei de segurança para a venda e porte de armas.

Foto: Divulgação

Testemunha de Jeová é libertado após 5 anos preso na Rússia

Após passar um total de 5 anos preso na Rússia por causa de sua fé, o dinamarquês Dennis Christensen foi libertado em 24 de maio de 2022. Ele foi preso em maio de 2017, quando a polícia invadiu uma reunião religiosa pacífica das Testemunhas de Jeová.

Dennis estava entre as primeiras Testemunhas de Jeová presas na Rússia após a decisão da Suprema Corte do país que proibiu as atividades desse grupo religioso em abril de 2017. Eles foram acusadas, sem nenhum fundamento, de praticarem atividades extremistas. Esse ataque à liberdade de religião tem resultado em diversas violações de direitos humanos durante os últimos cinco anos.

Infelizmente, as Testemunhas de Jeová continuam sendo perseguidas, torturadas e presas injustamente na Rússia. A liberdade de Dennis, porém, trouxe alegria e otimismo não só para sua esposa, Irina, mas também para as Testemunhas de Jeová e outras pessoas no mundo todo que valorizam a liberdade de crença e religião.

Veja outros detalhes sobre o que aconteceu com Dennis Christensen em vídeo disponível no site jw.org: Prisão de Dennis Christensen na Rússia.

Foto: Reprodução / Police Texas / Redes sociais

Atirador de 18 anos mata 19 crianças e 2 adultos em escola nos EUA

Um atirador matou 19 crianças, além de uma professora e um outro adulto nesta terça-feira (24), em uma escola de ensino fundamental no Texas, Estados Unidos, segundo informações das autoridades americanas.

Segundo um porta-voz do Departamento de Segurança Pública do Texas, o criminoso morto no local, foi identificado pelas autoridades como Salvador Roma, de 18 anos.

As informações preliminares é que crianças mortas são do 2º, 3º e 4º ano do colégio. A escola, uma “elementary school”, recebe alunos de 5 a 10 anos.

Ainda não há informações sobre as motivações do ataque. Entretanto, a imprensa americana divulgou que o assassino teria atirado contra a sua própria avó antes de se dirigir para a instituição de ensino.

O número de casos como esse tem aumentado nos últimos anos, nos EUA. Segundo levantamento do jornal The Washington Post, em 2021, foram 34 ataques em escolas, o maior número registrado desde 1999, quando iniciou a série histórica.

Foto: Reprodução / Twitter / @makibecker

Atirador mata 10 pessoas e deixa feridos em supermercado em Nova York

Um atirador matou 10 pessoas e deixou 3 feridas em um supermercado na cidade de Buffalo, no estado de Nova York. Um homem branco de 18 anos que estaria trajando roupas de estilo militar, já está preso.

O FBI afirmou que o tiroteio está sendo investigado como um “crime de ódio” e um “ato de extremismo violento racialmente motivado”.

Em uma coletiva de imprensa, o prefeito de Buffalo, Byron Brown, confirmou a informação. Brown disse que o atirador não era da comunidade e que ele viajou por horas até o local do crime, um bairro predominantemente negro.

Cerca de onze das 13 pessoas atingidas eram negras e duas eram brancas. As investigações apontam que o homem pode ter transmitido ao vivo o tiroteio.

Um funcionário do supermercado Tops Friendly Market relatou que o atirador entrou no local com um rifle e abriu fogo. Disse ainda que ele atirador atirou e matou três pessoas no estacionamento do mercado. Logo depois, trocou tiros com um ex-policial que trabalhava como segurança no local. O suspeito foi atingido, mas estava protegido por um colete à prova de balas.

O segurança foi uma das 10 vítimas do ataque a tiros, sendo as outras nove clientes do supermercado.

Foto: Asamblea Nacional Cuba / Twitter

Sobe para 22, número de mortos de explosão em hotel de luxo em Cuba

O número de pessoas mortas na explosão no hotel de luxo Saratoga, no centro de Havana, capital de Cuba, subiu para 22, nesta sexta-feira (6), segundo informações do governo cubano.

O governo divulgou ainda pelas redes sociais que entre as 22 vítimas fatais há um menor de idade. A explosão também deixou 64 pessoas feridas, sendo 14 menores.

O sistema de saúde em Havana está funcionando em sua totalidade para atender pelo menos os feridos, de acordo com uma publicação do perfil oficial da Presidência de Cuba

Conforme a publicação, o trabalho de busca e resgate continua no hotel, onde as pessoas ainda podem estar presas nos escombros. A explosão destruiu a parte frontal do hotel de luxo Saratoga.

Foto: Reprodução / Redes sociais

Hotel de luxo explode e deixa ao menos 8 mortos em Cuba

Um hotel em Havana, capital de Cuba, explodiu nesta sexta-feira (6), e deixou ao menos oito mortos e mais de 30 feridos. Diversos andares do prédio foram destruídos.

Segundo autoridades cubanas ainda há pessoas debaixo dos escombros. A causa da explosão foi um vazamento de gás, conforme informações do o presidente Miguel Díaz-Canel, que esteve no local e conversou com as equipes de socorro.

Neste momento, o chefe de Estado está em um dos hospitais que recebeu os feridos. As autoridades também descartam hipóteses de ataques ou atentados terroristas. Testemunhas afirmam que viram pessoas feridas na redondeza do Hotel Saratoga, localizado na parte mais antiga de Havana.

O Hotel Saragora fica em uma das principais avenidas da capital cubana, próximo do Capitólio de Havana, no centro histórico da cidade. A construção do edifício data de 1880. Após fechamento, o prédio foi reaberto em 2005. Ele é considerado um espaço de luxo.

Bombeiros procuram pessoas que, possivelmente, estejam sob os escombros. O impacto da explosão teria atingido prédios vizinhos. Uma escola infantil precisou ser evacuada, mas nenhuma criança ficou ferida.

Reprodução / Revista Time

Lula é capa da revista Time; “O líder mais popular do Brasil”, diz a legenda

A revista Time, dos Estados Unidos, divulgou a capa de sua edição mais recente com a imagem do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, pré-candidato do PT à presidência da república.

Considerada uma das principais revistas do mundo, a Time apresenta Lula como o político que pode salvar o país da crise. “O presidente mais popular do Brasil retorna do exílio político com a promessa de salvar o país”, disse parte do texto.

Na entrevista, Lula fala sobre a decisão de concorrer novamente as eleições para presidente. “Eu na verdade nunca desisti da política. A política está em cada célula minha, a política está no meu sangue, está na minha cabeça. Porque o problema não é a política simplesmente, o problema é a causa que te leva à política. E eu tenho uma causa. Os problemas do Brasil só serão resolvidos quando os pobres estiverem participando da economia, quando os pobres estiverem participando do orçamento, quando os pobres estiverem trabalhando, quando os pobres estiverem comendo. Isso só é possível se você tiver um governo que tenha compromisso com as pessoas mais pobres”, declarou.

Em outro trecho, o ex-presidente fala sobre o desafio que terá caso vença a eleição. “Isso implicaria reavivar uma economia debilitada, salvar uma democracia ameaçada e recuperar uma nação marcada pela segunda maior taxa mundial de mortalidade ligada à Covid-19 e por dois anos de gestão caótica da pandemia”, pondera a TIME.

A revista quis saber também o que Lula pensa sobre a invasão russa da Ucrânia e o que ele faria, se fosse presidente do Brasil, para tentar amenizar o conflito. “E agora, às vezes fico vendo o presidente da Ucrânia na televisão como se estivesse festejando, sendo aplaudido em pé por todos os parlamentos, sabe? Esse cara é tão responsável quanto o Putin. Ele é tão responsável quanto o Putin. Porque numa guerra não tem apenas um culpado. O Saddam Hussein era tão culpado quanto o Bush. Porque o Saddam Hussein poderia ter dito: Pode vir aqui visitar e eu vou provar que eu não tenho armas”, afirmou o ex-presidente na publicação.

Lula, capa da revista Time. Reprodução / Twitter jornalista Ciara Nugent
Foto: Ewerton Florêncio / Arquivo pessoal

Guerra na Ucrânia completa dois meses neste domingo

Sem um fim para os combates que já mataram milhares, destruiu cidades e obrigaram milhões a deixar suas casas, a invasão da Ucrânia pela Rússia completa dois meses neste domingo (24).

A Rússia manteve seu bombardeio de longa distância e abriu uma nova ofensiva no leste do país, mesmo com as crescentes sanções e da forte resistência ucraniana, reforçada pelas armas ocidentais.

Neste sábado (23), o presidente ucraniano, Volodimir Zelenski, afirmou que a Ucrânia abandonará as negociações de paz caso a Rússia realize um referendo em Kherson e as tropas russas acabem com os defensores da cidade sitiada de Mariupol, no sudeste do país.

“Se eles destruírem nosso povo em Mariupol, se um pseudorreferendo for proclamado em novas pseudorrepúblicas, a Ucrânia se retirará de qualquer processo de negociação”, disse Zelenski em entrevista coletiva, pela agência de notícias Unian.

Foto: Reprodução / Armen Armenian

Ataque a tiros no Metrô de Nova York deixa feridos

Um ataque a tiros em uma estação do Metrô de Nova York, nesta terça-feira (12), deixou ao menos 13 pessoas feridas. O Corpo de Bombeiros da cidade informou que os disparos foram realizados na estação da Rua 36, no Brooklyn.

Os tiros ocorreram durante o horário de fluxo matinal de passageiros na estação. Alguns veículos de comunicação, como a CNN, informaram que pelo menos cinco pessoas foram baleadas, citando fontes do Corpo de Bombeiros de Nova York.

As autoridades ainda não têm o registro total de pessoas feridas, e a identificação do autor dos disparos. Cerca de uma dúzia de quarteirões ao redor da estação do metrô foram fechadas.

A polícia de Nova York alertou as pessoas para ficarem longe da área. Nos últimos meses, Nova York tem vivido um aumento da violência armada em geral e uma série de ataques no sistema de transporte da cidade.

Inicialmente, o Corpo de Bombeiro havia dito que dispositivos explosivos não detonados tinham sido encontrados na estação. Entretanto, a polícia afirmou mais tarde em um tuíte que não havia explosivos ativos no local.

Foto: Reprodução / Facebook

Ucrânia acusa soldados russos de roubarem substâncias radioativas de Chernobyl

A Ucrânia informou, neste domingo (10), através de sua agência estatal que as forças russas que ocuparam Chernobyl roubaram substâncias radioativas dos laboratórios que podem ser letais.

A central de Chernobyl foi ocupada por forças russas no primeiro dia da invasão da Ucrânia, no dia 24 de fevereiro, e permaneceram mais de um mês nessa zona altamente radioativa antes de se retirarem, em 31 de março.

A agência informou ainda que os soldados russos saquearam dois laboratórios na região e roubaram 133 substâncias altamente radioativas. Segundo o comunicado no Facebook, as autoridades disseram que uma pequena parte dessa atividade é mortal, se manipulada de forma pouco profissional.

O ministro ucraniano da Energia, German Gulashchenko, afirmou que os soldados russos tinham se exposto a uma quantidade “assustadora” de radioatividade e disse que alguns deles têm menos de um ano de vida.

Foto: Reprodução / Oscar

Will Smith ganha Oscar, mas pode perder estatueta por agressão em Chris Rock

Will Smith ganhou a estatueta de Melhor Ator por “King Richard: Criando Campeãs”, mas antes de receber o prêmio, subiu ao palco e deu um tapa na cara de Chris Rock, após o comediante fazer uma piada a atriz e apresentadora Jada Pinkett Smith.

Entre os anúncios dos prêmios, ele comparou Jada à personagem de Demi Moore no filme Até o limite da honra, de 1997. A personagem aparece com os cabelos raspados, na interpretação de uma mulher que faz o treinamento de força de operações especiais da Marinha dos Estados Unidos.

Especialistas da indústria cinematográfica ao The New York Post, afirmaram que Smith pode devolver o tão aguardado prêmio para a Academia por conta do incidente com o comediante.  A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas tem um regulamento extremamente rígido, que exige um código de conduta de convidados e premiados.

Foto: Reprodução / China Eastern Airlines

Avião com 132 pessoas cai no sul da China

Um avião que transportava 132 pessoas caiu nesta segunda-feira (21) no sul da China, segundo a agência de aviação civil do país. O modelo Boeing 737-800 da China Eastern Airlines fazia a rota entre as cidades de Kunming e Guangzhou.

Ainda não há informação sobre o número de vítimas e sobreviventes. Segundo a TV estatal chinesa, a queda ocorreu em Guangxi, região montanhosa no sul da China, e provocou um incêndio no local. A aeronave tem bom histórico de segurança de voo.

A Boeing informou que está iniciando uma investigação sobre o caso, através das informações das autoridades locais. Conforme a TV estatal chinesa, a queda aconteceu por volta das 14h30 no horário local, e a operação de resgate está a caminho.

A China Eastern Airlines colocou o seu site em preto e branco, como de costume quando acontece um acidente.