Foto: Camila Souza / GOVBA

Governo da Bahia destina R$ 15 milhões para o Fazcultura em 2022

Está assegurada a destinação de R$ 15 milhões em recursos para o Programa Estadual de Incentivo ao Patrocínio Cultural (Fazcultura) no ano de 2022. O decreto foi assinado pelo governador Rui Costa na segunda-feira (24) e publicado na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (25).

O Fazcultura tem como objetivo promover ações de patrocínio, tendo como base renúncia de recebimento do Imposto de Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) pelo Estado, em favor da aplicação direta em projetos e atividades culturais. Dessa forma, beneficia os proponentes de projetos culturais e as empresas patrocinadoras que associam a sua imagem a ações relevantes em diversos contextos culturais. A abertura das inscrições para o Fazcultura 2022 está prevista para iniciar no dia 8 de fevereiro.

Foto: Carol Garcia / GOVBA

Exportações da Bahia crescem 26,3% em 2021 e atingem marca de US$ 9,9 bilhões

De acordo com o Informe Executivo de Comércio Exterior, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), as exportações baianas atingiram a marca de US$ 9,9 bilhões em 2021, um aumento de 26,3% em relação ao ano anterior. Esse cenário positivo deve-se à retomada da atividade econômica decorrente do avanço da vacinação no combate à pandemia da covid-19 e à alta dos preços das commodities.

Segundo a SDE, o estado da Bahia segue na liderança no Nordeste e suas exportações representam 48% do volume que a região exportou no ano passado. A Indústria de Transformação teve uma participação de 62%, a Agropecuária 29,6% e a Indústria Extrativa 7,5% no volume das vendas para o mercado internacional.

“Tivemos um crescimento espetacular nas exportações de bens minerais, que saltou 212,7% de 2021 para o ano anterior. Foram US$ 239 milhões em 2020 para US$ 747,4 milhões no ano passado. Isso revela o trabalho que a SDE vem fazendo para atrair novos empreendimentos na área da mineração e também apoiando fortemente as empresas que já estão instaladas na Bahia e pretendem expandir suas produções”, declarou o titular da SDE, Nelson Leal.

Painéis solares

Os químicos e Petroquímicos, por sua vez, tiveram um crescimento de 67,2% no valor exportado, chegando a um total de US$ 1,3 bilhões em 2021, frente a US$ 787 milhões em 2020. Borrachas, com alta de 46,7%, também merece destaque, saindo de US$ 105,7 milhões em 2020 para U$$ 155,1 no ano passado.

Na pauta de importações, um dado revela a pujança do mercado de energia solar na Bahia: o aumento de 902,1% na compra de painéis solares, que saiu de US$ 22,1 milhões em 2020 para US$ 221,9 milhões no ano passado.

Foto: Reprodução / Site GOVBA

Portal de cultura do governo da Bahia tem ataque de hacker

O site da Secretaria de Cultura da Bahia (Secult) teve um ataque de hacker nesta terça-feira (25). Esse é o segundo ataque aos portais do governo em menos de uma semana. Na madrugada do dia 20, os sites das secretarias de Segurança Pública (SSP) e Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS) também foram atacados.

A autoria do caso foi assumida por um grupo do Paraná, que fez críticas ao governador Rui Costa e ao decreto de redução de público em eventos na Bahia. Além disso a publicação voltou a afirmar ter “máximo respeito aos profissionais da cultura do estado da Bahia”.

Na manhã desta terça, o portal da Secult passou a ser direcionado para o site do governo do estado, como ocorreu aos outros portais do governo no primeiro ataque.

Através de nota, o governo do Estado disse que já iniciou as investigações sobre o ataque aos sites institucionais do Governo do Estado, através da Polícia Civil e com o apoio da Superintendência de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública (SSP).

Segundo a Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia (Prodeb), a estrutura interna dos sites das secretarias, órgãos e empresas estaduais permanecem preservados.

Reprodução – site da Cultura / GOVBA
Foto: Reprodução / Redes sociais

Rui lamenta morte da ex-deputada Kelly Magalhães

O governador Rui Costa (PT) lamentou a morte da ex-deputada estadual Kelly Magalhães (PCdoB) pelas redes sociais, na manhã desta segunda-feira (24). O gestor estadual disse que a parlamentar deixa um legado de luta por uma sociedade mais justa.

“Minha solidariedade aos familiares e amigos da ex-deputada estadual Kelly Magalhães, importante liderança do PCdoB no oeste da Bahia. Professora e ex-vereadora em Barreiras, onde presidiu a Câmara Municipal, Kelly deixa um legado de luta por uma sociedade mais justa. Que Deus conforte a todos neste momento de dor”, afirmou o governador.

A ex-deputada estadual e professora Kelly Magalhães morreu, no domingo (23), aos 52 anos, em Salvador. Ela enfrentava um câncer há dois anos.

Kelly foi eleita vereadora em Barreiras, sua terra natal, pelo Partido Comunista do Brasil (PCdoB), por dois mandatos, entre 2005 e 2008 e 2009 e 2012. Ela também presidiu a Câmara de Vereadores. Em 2010, foi eleita deputada estadual pelo PCdoB, onde ocupou uma cadeira na Assembleia Legislativa da Bahia entre 2011 e 2015.

A parlamentar atuou nas comissões de Direitos da Mulher, Promoção da Igualdade, Meio Ambiente, Educação e na CPI do Tráfico de pessoas, como titular na Alba.

Kelly Magalhães deixa marido e dois filhos, Maria Eduarda e Felipe.

Foto: Claudionor Junior / GOVBA

Matrícula da rede estadual de ensino começa nesta segunda

O sistema de matrícula da rede estadual de ensino para o ano letivo 2022 estará disponível de 24 de janeiro a 1º de fevereiro, e poderá ser realizada de forma on-line, com acesso pelo Portal da Educação ou diretamente pelo endereço http://matricula.sigeduc.educacao.ba.gov.br/.

Os estudantes, pais ou responsáveis devem ficar atentos ao cronograma que indicará os dias específicos para cada público. A matrícula também poderá ser feita em qualquer escola da rede estadual, independente, de ser aquela que o estudante deseje confirmar a sua vaga.

A confirmação da matrícula acontecerá mediante a entrega da documentação solicitada que, em caso de pendência, poderá ser apresentada obrigatoriamente na secretaria escolar posteriormente: via original e cópia legível do Cadastro de Pessoal Física (CPF); via original e cópia da carteira de vacinação devidamente atualizada; via original do histórico escolar; via original e cópia legível da carteira de identidade (RG) ou Certidão de Registro Civil; via original e cópia legível do comprovante de residência (água, luz, telefone fixo ou móvel, gás encanado, Internet, contrato de aluguel, IPTU, cartão de crédito ou TV por assinatura); cópia legível do RG da própria mãe do estudante e ou do responsável legal; e cópia legível do CPF da própria mãe do estudante e ou do responsável legal.

Cronograma de matrícula

O primeiro dia será destinado para Pessoas com Deficiência (PcD), que podem realizar via internet ou em qualquer unidade escolar da rede estadual. No dia 25 de janeiro, o estudante da rede estadual que pretende se transferir para outra unidade escolar da rede estadual, quando for do seu próprio interesse ou em razão de ausência da série na unidade escolar a qual concluiu o ano letivo 2021, deverá solicitar a sua transferência diretamente na unidade escolar em que estava matriculado.

O calendário de matrícula segue nos dias 26 e 27 de janeiro para os concluintes do 5º ano ou 9º ano do Ensino Fundamental oriundos apenas da rede municipal de ensino. A matrícula poderá ser realizada pelo próprio estudante, caso seja maior de 16 anos de idade, ou pelo responsável legal, preferencialmente via internet ou em qualquer unidade escolar da rede estadual.

No dia 28 de janeiro, a matrícula será destinada para o ingresso do candidato em unidade escolar da rede estadual em qualquer ano ou série do Ensino Fundamental, sem distinção da rede de ensino de origem. Já no período de 31 de janeiro e 1º de fevereiro poderá ser efetuada a matrícula do estudante que deseja ingressar em uma unidade escolar da rede estadual em qualquer ano ou série do Ensino Médio. Nestes três dias, a matrícula também poderá ser feita através da internet ou em qualquer unidade escolar da rede estadual.

Foto: Reprodução / Setur

Itaparica ganha nova base náutica

O município de Itaparica passa a contar com uma completa e moderna base náutica, que substitui a antiga marina, e consolida como importante polo turístico da Baía de Todos-os-Santos. A obra foi entregue neste sábado (22), pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Turismo (Setur-BA).

Foram investidos quase R$ 13 milhões, com recursos do programa Prodetur, financiados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para impulsionar o turismo das águas na região.

De acordo com o governo, a base náutica dispõe de rampas móveis, cais de atracação flutuante, sede administrativa, posto de combustível e espaços para lojas, restaurante e lanchonete. São 36 vagas secas na área aberta e píeres com 114 vagas molhadas para embarcações. Em parceria com a população e os navegadores, a Setur-BA vai desenvolver ações socioambientais na localidade. 

Com a inauguração da obra em Itaparica, o próximo passo será a abertura da licitação para a escolha da empresa privada que vai administrar o equipamento. Mas já está disponível a atracação de barcos, com serviço de vigilância.

O presidente da Associação Brasileira das Agências de Viagens (Abav), seção Bahia, que representa o trade turístico, Jean Paul Gonze, falou em parceria. “A Abav vai divulgar esse equipamento, que chega em um momento importante para o turismo, com o reaquecimento das atividades. Parabéns ao governo pelos investimentos em infraestrutura náutica”. Estiveram presentes também o comandante da Capitania dos Portos, capitão Paulo Gonzales; e o prefeito de Aratuípe, Professor Tone.

Foto: Divulgação / GOVBA

Decreto com redução de limite de público em eventos é publicado pelo governo

A atualização do decreto que estabelece medidas para conter a disseminação da Covid-19 foi publicada nesta sexta-feira (21) no Diário Oficial do Estado (DOE). A nova determinação foi anunciada pelo governador Rui Costa, na quinta-feira (20), e reduz de 3 mil para 1.500 pessoas o público máximo permitido em eventos de qualquer tipo no estado, inclusive em estádios de futebol.

O novo decreto passará a vigorar a partir da 0h do dia 24 de janeiro (segunda-feira) e tem validade até 4 de fevereiro. Rui afirmou que a escalada no número de infectados pelo coronavírus no estado é o principal motivo para a nova mudança.

O boletim epidemiológico da sexta-feira (21) indicou que, nas últimas 24 horas, foram registradas 21 mortes, 5.101 novos casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,39%) e 2.992 recuperados (+0,24%). A Bahia atingiu 16.831 casos ativos da Covid-19.

De acordo com o documento, além de respeitar o limite de 1500 pessoas, os responsáveis pelos eventos precisarão obedecer à capacidade máxima de 50% de ocupação dos espaços onde eles são realizados. Estão mantidas no decreto as exigências de comprovação de vacinação completa para o público e envolvidos nos eventos e do uso de máscaras, além do distanciamento social.

As regras valem para cerimônias de casamento, eventos urbanos e rurais em logradouros públicos ou privados, eventos exclusivamente científicos e profissionais, em circos, parques de exposições, solenidades de formatura, feiras, passeatas, parques de diversões, teatros, cinemas, museus e afins. Bares e restaurantes seguem com a obrigação de exigir dos clientes o comprovante de vacinação contra a Covid-19.

Foto: Manu Dias / GOVBA

Governo entrega tratores direcionados a agricultura familiar na Bahia

Em solenidade no Parque de Exposições, em Salvador, o governador Rui Costa entregou, nesta quinta-feira (20), 75 tratores com implementos agrícolas que vão beneficiar a agricultura familiar de todo estado.

O investimento superior a R$ 10,3 milhões foi realizado através da Secretaria da Agricultura (Seagri) e da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e beneficia prefeituras, associações e cooperativas de pequenos produtores.

“Damos um salto consistente na produção da agricultura familiar, na estruturação das cadeias produtivas, aumentando volume, aumentando até a exportação de produtos por parte das cooperativas, de agricultores que já mandam seus produtos para o exterior”, afirmou o Rui.

Por meio da Seagri, foram entregues 35 tratores com 78 implementos que beneficiarão 35 municípios. Já a SDR entregou 42 tratores com implementos e dois microtratores. “O nosso propósito de ampliar a entrega de implementos agrícolas e tratores faz parte de um acerto com os consórcios e prefeituras, cujo objetivo é justamente aumentar a produção, e por conseguinte a renda do agricultor”, afirma o secretário da SDR, Josias Gomes.

Foto: Mateus Pereira / GOVBA

Moradora de Candeias ganha R$ 100 mil da Nota Premiada Bahia

O resultado do primeiro sorteio do ano, que distribuiu R$ 1 milhão em prêmios entre 91 participantes da campanha de cidadania fiscal Nota Premiada Bahia, do Governo do Estado, acaba de ser divulgado.

O prêmio especial de R$ 100 mil foi para uma moradora do município de Candeias. Já os 90 prêmios de R$ 10 mil contemplaram 54 moradores de Salvador e 36 do interior.

A lista completa dos ganhadores pode ser consultada no site da campanha e ainda no Instagram @notapremiadabahia e nas redes sociais da Secretaria da Fazenda do Estado (Instagram @sefazbahia, Facebook @sefaz.govba e Twitter @sefazba).

Além de Candeias, que levou o prêmio máximo, outros 18 municípios do interior da Bahia tiveram ganhadores nesta edição. Na relação de contemplados com o prêmio de R$ 10 mil, destaque para Feira de Santana, com seis pessoas sorteadas. Na sequência estão Itabuna e Lauro de Freitas, com quatro ganhadores cada, seguidos de Ipiaú, com três sorteados. Camaçari, Campo Formoso, Jequié, Simões Filho e Vitória da Conquista tiveram, cada qual, dois contemplados. Com um ganhador cada, encerram a lista Cruz das Almas, Gandu, Ibirataia, Ilhéus, Itacaré, Jacobina, Porto Seguro, Senhor do Bonfim e Valença.

A Nota Premiada possui atualmente mais de 642 mil participantes inscritos. Desde fevereiro de 2018, os sorteios da campanha já premiaram 2.316 pessoas, das quais 1.455 moram na capital, 859 no interior e uma fora do estado.

Como participar

Para participar da Nota Premiada Bahia, basta se cadastrar uma única vez, preenchendo o formulário disponível no site da campanha e, após essa etapa, pedir para inserir o CPF na nota fiscal a cada compra realizada em estabelecimentos comerciais. O participante, no ato do cadastro, escolhe até duas instituições filantrópicas que integram o programa Sua Nota é um Show de Solidariedade, uma da área de saúde e outra da social, para doar as suas notas eletrônicas.

A cada quatro meses, as notas compartilhadas transformam-se em repasses de R$ 3 milhões distribuídos entre as entidades ativas no Sua Nota é um Show de Solidariedade, que hoje somam 540. Desde o início da campanha Nota Premiada Bahia, em janeiro de 2018, o total repassado às filantrópicas já soma R$ 53,4 milhões.

Foto: Camila Souza / GOVBA

Bahia: 76% dos casos de coronavírus é da variante Ômicron

Em um sequenciamento genético, 49 amostras da variante Ômicron foi detectado no estado pelo Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA). Esse total representa 76,5% dos 64 sequenciamentos realizados em amostras coletadas no mês de janeiro.

Além da identificação da Ômicron, foram detectadas 12 amostras da variante Delta e as outras três ainda estão em análise.

Segundo a Lacen-BA, os casos foram identificados nos municípios de Adustina, Belmonte, Cândido Sales, Dias D’Ávila, Eunápolis, Feira de Santana, Firmino Alves, Guanambi, Ilhéus, Irecê, Itaberaba, Itiruçu, Lauro de Freitas, Prado, Rui Barbosa, Salvador, Santa Cruz Cabrália, Santo Antônio de Jesus, Uibaí e Vitória da Conquista. São 21 homens e 28 mulheres, sendo o mais novo com 5 meses e o mais velho com 87 anos.

A secretária da Saúde do Estado, Tereza Paim, alerta que “o avanço da Ômicron tem provocado crescimento expressivo do número de casos ativos, atualmente em mais de 13 mil, ante uma média de 2 mil casos entre os meses de setembro e novembro do ano passado”.

A escolha das amostras para o sequenciamento é baseada na representatividade de todas as regiões geográficas do estado da Bahia, casos suspeitos de reinfecção, amostras de indivíduos que evoluíram para óbito, contatos de indivíduos portadores de variantes de atenção (VOC) e indivíduos que viajaram para área de circulação das novas variantes com sintomas clínicos característicos.

Reconhecido como a 3ª maior unidade de vigilância laboratorial do país e classificado na categoria máxima de qualidade pelo Ministério da Saúde, o Lacen-BA já realizou mais de 1.600 exames de sequenciamento genético do vírus da Covid-19.

Foto: Reprodução / PF

Operação apreende R$ 50 mil em notas falsas em 8 estados do país

Cerca de R$ 50 mil em notas falsas foram apreendidas pela Polícia Federal, durante uma operação deflagrada na terça (18) e quarta-feira (19). A ação, batizada de “Rebote Fakes 5”, fiscalizou encomendas feitas por meio dos Correios e outras transportadoras.

No total, 10 pessoas foram presas na operação. Segundo a investigação, o destino do dinheiro falso seriam pelo menos 10 cidades do país. A ação foi realizada em conjunto com a Diretoria de Segurança Corporativa dos Correios.

Nas ações de combate às falsificações de moeda, a PF apreendeu cerca de R$ 15 milhões em notas falsas, desde o ano de 2019.

Operação ocorreu nos municípios:

Senhor do Bonfim (BA)

Feira de Santana (BA)

Cedro (CE)

Rio Grande (RS)

São Francisco de Assis (RS)

Maringá (PR)

Rorainópolis (RR)

Lagoa Prata (MG)

Ananindeua (PA)

Saquarema (RJ)

A falsificação de moedas é crime, com pena de reclusão de 3 a 12 anos e multa, segundo o Código Penal.

Reprodução / Site SSP-BA

Hackers invadem site da Secretaria de Segurança Pública da Bahia

Na madrugada desta quinta-feira (20) o site da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) teve ataque de hacker. Além disso, outros portais do governo do estado foram atacados, como o da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS).

O acesso ao portal, durante a madrugada, exibia uma mensagem que comparava a violência na Bahia ao Rio de Janeiro, e ainda, insultos foram direcionados ao governador Rui Costa e à vacina.

Um grupo do Paraná assumiu a autoria do caso e afirmou ter “máximo respeito aos profissionais de segurança pública”.

O portal segue fora do ar na manhã desta quinta-feira (20), e o endereço está sendo direcionado para o site do governo do estado. O caso sobre o ataque está sendo investigado pela Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia (Prodeb).

A Prodeb disse ainda que repudia a ação e garantiu que todas as medidas legais para identificar e punir os responsáveis estão sendo adotadas.

Reprodução / SSP-BA
Foto: Reprodução / Setur

Atrativos da Bahia são apresentados em feira internacional de turismo na Espanha

A Bahia quer atrair mais turistas espanhóis e de outros países da Europa, para divulgar os atrativos do estado, na terceira maior comunidade espanhola no Brasil. A Secretaria de Turismo da Bahia (Setur-BA) participa da Feira Internacional de Turismo de Madrid, capital da Espanha.

A Fitur começou nesta quarta-feira (19) e segue até domingo (23), no Centro de Exposições Ifema, e abre o calendário anual mundial de eventos no setor. A Setur-BA está representada pelo secretário Maurício Bacelar, acompanhado da diretora de Promoções da secretaria, Regina Ahmed.

O órgão dá continuidade ao trabalho iniciado em 2021, para impulsionar o turismo baiano após o avanço da vacinação contra a Covid-19, com a participação em feiras nacionais e internacionais. 

No primeiro dia da Fitur, o estande da Bahia recebeu a visita do presidente da Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur), Carlos Brito; do embaixador do Brasil na Espanha, Pompeu Andreucci Neto; e de representantes de agências de viagens e veículos de comunicação. A Espanha é o segundo polo emissor de turistas estrangeiros para o território baiano, atrás da Argentina.

A feira tem a participação de quase 100 países e segue protocolos de segurança sanitária rigorosos, com a exigência do certificado de vacinação completo, monitoramento dos espaços, através de um sistema digital inteligente de contagem do público, uso obrigatório de máscaras e medição de temperatura.

Foto: Reprodução / Prefeitura de Salvador

Bahia completa um ano de início da vacinação contra Covid-19

A Bahia iniciou a vacinação contra Covid-19 a exatamente um ano. Em 19 de janeiro de 2021, a enfermeira Maria Angélica Sobrinho foi a primeira moradora a ser vacinada. Desde então, 11.163.665 baianos iniciaram o esquema vacinal contra a doença, o que representa 78,3% do público alvo (pessoas com 5 anos ou mais).

Deste total, 9.040.834 já tomaram também a segunda dose e 1.811.592 já completaram o esquema vacinal com a dose de reforço.

Com o avanço da vacinação na Bahia, a mortalidade teve uma queda acentuada, segundo levantamento da Diretoria de Vigilância Epidemiológica do Estado. Em março de 2021, essa taxa era de 23,40 por 100 mil habitantes, enquanto que em dezembro caiu para 1,44 por 100 mil habitantes.

Outro dado que aponta a eficiência da vacinação é o número total de internados por conta da doença. Em março de 2021, 7960 pessoas precisaram ser hospitalizadas em razão da Covid-19. Em dezembro foram 557, uma queda de 93%.

“Sem a cobertura vacinal que temos hoje, seria inimaginável chegarmos a estes números”, afirma. Ela ainda destaca que mesmo com o aumento de casos de Covid-19 nos últimos dias, a maior parte dos pacientes não está precisando de hospitalização. “Observamos que a maioria das pessoas tem apenas sintomas leves”, pontua a Secretária da Saúde do Estado, Tereza Paim.

Estratégia de Distribuição

Desde quando chegou a primeira remessa de imunizantes, o Governo do Estado tem se empenhado para distribuir as vacinas no menor tempo possível. Com apoio do Grupamento Aéreo da Policia Militar e da Casa Militar do Governador, a Secretaria da Saúde do Estado faz a distribuição das vacinas para todas as regiões do estado.

A Coordenadora de Imunização do Estado, Vânia Rebouças, explica que a logística de distribuição tem sido muito importante para dar celeridade ao processo de vacinação na Bahia. “Conseguimos fazer com que as doses sejam entregues em todas regiões em até 24 horas após a sua chegada em solo baiano”, destaca.

Foto: Mateus Pereira / GOVBA

Vacina infantil: Bahia recebe novo lote com mais de 88 mil doses

Um novo lote com 88.200 doses de vacinas pediátricas contra a Covid-19 chegou à Bahia, na madrugada desta terça-feira (18). Os imunizantes são da Pfizer e serão distribuídos para os municípios baianos.

A secretária estadual de Saúde, Tereza Paim, disse que a previsão é de que mais 113 mil doses infantis cheguem na próxima semana. Os imunizantes serão aplicados em 1,5 milhões de crianças, que fazem parte do público alvo da vacinação.

A vacinação nesta terça-feira (18), em Salvador, já contempla crianças a partir dos 8 anos, com comorbidades.

Vacinação para crianças

A vacinação em Salvador também inclui nesta terça-feira (18), as crianças de 8 a 11 anos com comorbidades. Dois pontos fixos serão montados exclusivamente para acolhimento desse público. Outros dez pontos fixos de imunização continuarão contemplando as crianças com 10 e 11 anos de idade. Todos os locais funcionam das 8h às 16h.

Os menores de 5 a 11 anos com deficiência permanente (motora, auditiva, visual e intelectual) também seguem incluídos na estratégia, com três pontos funcionando exclusivamente para atendimento desses pequeninos. Não há pontos na modalidade drive-thru para este público.

Para todas as crianças, os pais ou responsáveis devem preencher o Formulário de Vacinação, tanto no local de imunização ou levar impresso – o documento pode ser acessado no link www.saude.salvador.ba.gov.br/wp-content/uploads/2022/01/ formulario-vacinacao-criancasV6.pdf.

Para ter acesso à vacina, devem ser apresentados também os seguintes documentos:

CRIANÇAS DE 8 A 11 ANOS COM COMORBIDADES ACOMPANHADAS DO PAI OU MÃE

Deverão ser apresentados original e cópia do documento de identificação da criança, cartão de vacina, cartão SUS de Salvador, relatório médico atestando a comorbidade; e original e cópia do documento de identificação com foto do pai ou mãe presentes no ato da vacinação. No local será preenchido o Formulário de Vacinação. O documento também está disponível no site da SMS, podendo ser impresso e preenchido antecipadamente para apresentação no ponto de vacina.

CRIANÇAS DE 8 A 11 ANOS COM COMORBIDADES ACOMPANHADAS DE OUTRO RESPONSÁVEL MAIOR DE 18 ANOS

O Formulário de Vacinação disponível no site da SMS deve ser impresso antecipadamente para preenchimento e coleta de assinatura do pai ou mãe da criança. No ato da vacina deverão ser apresentados o Formulário, cópia do documento oficial de identificação com foto do pai ou mãe que assinou o documento, cartão de vacina, cartão SUS de Salvador, relatório médico atestando a comorbidade e documento de identificação da criança.

CRIANÇAS COM 11 E 10 ANOS COM NOME NO SITE DA SMS ACOMPANHADAS DO PAI OU MÃE

O nome da criança deve constar na lista disponível no site da SMS. No local deverão ser apresentados original e cópia do documento de identificação da criança e cartão de vacina, além do documento oficial de identificação com foto do pai ou da mãe presentes na vacinação. No local será preenchido o Formulário de Vacinação. O documento também está disponível no site da SMS, podendo ser impresso, preenchido antecipadamente e apresentado no ponto de vacina, otimizando a imunização.

CRIANÇAS COM 11 E 10 ANOS COM NOME NO SITE DA SMS ACOMPANHADAS DE OUTRO RESPONSÁVEL MAIOR DE 18 ANOS

O nome da criança deve constar na lista disponível no site da SMS. No ato da vacinação deverá ser apresentada original e cópia do documento de identificação da criança e cartão de vacina. No caso de a criança estar acompanhada por um representante, o Formulário de Vacinação deverá ser impresso antecipadamente para preenchimento e coleta da assinatura do pai ou mãe do menor. No ato da vacina deverá ser apresentada também cópia do documento de identificação com foto do pai ou mãe que assinou o Formulário de Vacinação.

CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA DE 5 A 11 ANOS ACOMPANHADAS DO PAI OU MÃE

Deverão ser apresentados original e cópia do documento de identificação da criança, cartão de vacina, cartão SUS de Salvador, relatório médico atestando a deficiência permanente; além do original e cópia do documento de identificação com foto do pai ou mãe presentes no ato da vacinação. No local será preenchido o Formulário de Vacinação. O documento também está disponível no site da SMS podendo ser impresso e preenchido antecipadamente para apresentação no ponto de vacina.

CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA DE 5 A 11 ANOS ACOMPANHADAS DE OUTRO RESPONSÁVEL MAIOR DE 18 ANOS

O Formulário de Vacinação disponível no site da SMS deve ser impresso antecipadamente para preenchimento e coleta de assinatura do pai ou mãe da criança. No ato da vacina deverão ser apresentados o Formulário, cópia do documento oficial de identificação com foto do pai ou mãe que assinou o documento, cartão de vacina, cartão SUS de Salvador, relatório médico atestando a deficiência permanente e documento de identificação da criança.

Confira os pontos de imunização das crianças com 10 e 11 anos com o nome no site da SMS:

Pontos fixos: Arena Fonte Nova (Nazaré), Clube de Periperi, USF Cajazeiras V, 5º Centro de Saúde (Barris), Parque da Cidade (Itaigara), CSU Pernambués, USF Cambonas, UBS Marechal Rondon, USF Vale do Matatu e USF Parque de Pituaçu.

Confira os pontos de imunização das crianças com deficiência de 5 a 11 anos:

Pontos fixos: APAE – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – Pituba (13h às 17h), ION – Instituto de Organização Neurológica da Bahia – Ondina e NACPC – Núcleo de Assistência à Criança com Paralisia Cerebral.

Confira os pontos de imunização das crianças com comorbidades de 8 a 11 anos:

Pontos fixos: USF Beira Mangue (São Bartolomeu) e USF Zulmira Barros (Costa Azul).

Foto: Manu Dias / GOVBA

Governo do Estado entrega 28 ambulâncias para municípios do interior

O Governo do Estado beneficiou nesta segunda-feira (17), municípios do interior da Bahia com a entrega de 28 ambulâncias que vão ajudar no transporte de pacientes e aumentar o acesso a saúde. A solenidade aconteceu no Parque de Exposições, e contou com a presença do governador Rui Costa, da Diretora-Geral da Secretaria da Saúde da Bahia, Roberta Santana, além de prefeitos e deputados que destinaram suas emendas parlamentares para viabilizar a entrega dos veículos.

De acordo com o governo, neste primeiro momento, 15 ambulâncias foram entregues aos municípios de Arataca, Aurelino Alves, Caetanos, Cândido Sales, Firmino Alves, Floresta Azul, Itacaré, Itajú da Colônia, Itambé, Itaquara, Jequié, Jiquiriçá, Manoel Vitorino, Ubaitaba e Valença.

Nos próximos dias, outras 13 serão destinadas a demais cidades. Os veículos são do modelo tipo van, avaliados em R$ 205 mil, cada, totalizando um investimento aproximado de R$ 6 milhões.

Mais 161 ambulâncias

De acordo com a diretora-geral da Sesab, a ação segue com a entrega de mais equipamentos até o mês de março. “O Extremo-sul já foi completamente atendido. Agora, estamos entregando o restante dos outros municípios que fazem parte das regiões afetadas pelas chuvas. Estamos na expectativa de receber 161 ambulâncias até março. Com isso, conseguiremos dar todo o apoio e assistência a esses municípios que necessitam desse reforço”, explicou.

Foto: Fernando Vivas / GOVBA

Sobe para 27 o número de mortos por causa das chuvas na Bahia

Os números referentes à população atingida pelas fortes chuvas que ocorreram em diversas regiões do estado foram atualizados, com base em informações recebidas das prefeituras, a Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec), na tarde deste domingo (16).

São 30.306 desabrigados, 62.156 desalojados, 27 mortos e 523 feridos. O total de atingidos é de 965.643 pessoas.

O último óbito ocorreu no dia 7, em Barra, no oeste baiano, e foi informado à Sudec pelo município apenas neste domingo (16). Trata-se de um homem de 72 anos, que se afogou no assentamento São Francisco, na margem do Rio Grande, zona rural de Barra.

As localidades com vítimas fatais são: Amargosa (2), Itaberaba (2), Itamaraju (4), Jucuruçu (3), Macarani (1), Prado (2), Ruy Barbosa (1), Itapetinga (1), Ilhéus (3), Aurelino Leal (1), Itabuna (2), São Félix do Coribe (2), Ubaitaba (1), Belo Campo (1) e Barra (1).

Os números correspondem às ocorrências registradas em 199 municípios afetados. Desse total, 190 estão com decreto de situação de emergência.

Municípios com decreto de situação de emergência:

1.AIQUARA

2.ALCOBAÇA

3.AMARGOSA

4.AMÉLIA RODRIGUES

5.ANAGÉ

6.ANDARAÍ

7.ANGICAL

8.APUAREMA

9.ARACATU

10.ARATACA

11.AURELINO LEAL

12.BAIXA GRANDE

13.BARRA

14.BARRA DA ESTIVA

15.BARRA DO CHOÇA

16.BARRA DO MENDES

17.BARRA DO ROCHA

18.BARRO ALTO

19.BELMONTE

20.BELO CAMPO

21.BOA NOVA

22.BOA VISTA DO TUPIM

23.BOM JESUS DA SERRA

24.BOTUPORÃ

25.BREJÕES

26.BREJOLÂNDIA

27.BRUMADO

28.BUERAREMA

29.CAATIBA

30.CACHOEIRA

31.CAETANOS

32.CAMACÃ

33.CAMAMU

34.CANAVIEIRAS

35.CÂNDIDO SALES

36.CARAÍBAS

37.CARAVELAS

38.CARINHANHA

39.CATURAMA

40.COARACI

41.COCOS

42.CONCEIÇÃO DO ALMEIDA

43.CONDEÚBA

44.CORDEIROS

45.COTEGIPE

46.CRAVOLÂNDIA

47.CRISTÓPOLIS

48.DÁRIO MEIRA

49.DOM BÁSILIO

50.ENCRUZILHADA

51.ENTRE RIOS

52.ESPLANADA

53.EUNÁPOLIS

54.FEIRA DA MATA

55.FEIRA DE SANTANA

56.FIRMINO ALVES

57.FLORESTA AZUL

58.GANDU

59.GONGOGI

60.GOVERNADOR MANGABEIRA

61.GUARATINGA

62.IAÇU

63.IBIASSUCÊ

64.IBICARAI

65.IBICOARA

66.IBICUÍ

67.IBIPEBA

68.IBIRAPITANGA

69.IBIRAPUÃ

70.IBIRATAIA

71.IBITIARA

72.IGAPORÃ

73.IGRAPIÚNA

74.IGUAÍ

75.ILHÉUS

76.IPIAÚ

77.IRAJUBA

78.IRAMAIA

79.ITABELA

80.ITABERABA

81.ITABUNA

82.ITACARÉ

83.ITAETÉ

84.ITAGI

85.ITAGIMIRIM

86.ITAJU DO COLÔNIA

87.ITAJUÍPE

88.ITAMARAJU

89.ITAMARI

90.ITAMBÉ

91.ITANHÉM

92.ITAPÉ

93.ITAPEBI

94.ITAPETINGA

95.ITAPITANGA

96.ITAQUARA

97.ITARANTIM

98.ITORORÓ

99.ITUBERÁ

100.ITIRUÇU

101.IUIU

102.JAGUAQUARA

103.JEQUIÉ

104.JIQUIRIÇÁ

105.JITAÚNA

106.JOÃO DOURADO

107.JUCURUÇU

108.JUSSARI

109.JUSSIAPE

110.LAFAIETE COUTINHO

111.LAGEDO DO TABOCAL

112.LAGOA REAL

113.LAJE

114.LAJEDÃO

115.LENÇÓIS

116.LIVRAMENTO DE NOSSA SENHORA

117.MACARANI

118.MACAÚBAS

119.MAETINGA

120.MALHADA

121.MANOEL VITORINO

122.MARAGOGIPE

123.MARCIONÍLIO DE SOUZA

124.MASCOTE

125.MATINA

126.MEDEIROS NETO

127.MILAGRES

128.MIRANTE

129.MORTUGABA

130.MUCUGÊ

131.MUCURI

132.MUNDO NOVO

133.MUQUÉM DE SÃO FRANCISCO

134.MUTUÍPE

135.NAZARÉ

136.NILO PEÇANHA

137.NOVA CANAÃ

138.NOVA IBIÁ

139.NOVA ITARANA

140.NOVA VIÇOSA

141.NOVO HORIZONTE

142.PALMAS DE MONTE ALTO

143.PARAMIRIM

144.PARATINGA

145.PAU BRASIL

146.PINDAÍ

147.PIRAÍ DO NORTE

148.PIRIPÁ

149.PLANALTINO

150.PLANALTO

151.POÇÕES

152.PORTO SEGURO

153.POTIRAGUÁ

154.PRADO

155.PRESIDENTE JÂNIO QUADROS

156.PRESIDENTE TANCREDO NEVES

157.RAFAEL JAMBEIRO

158.RIACHO DE SANTANA

159.RIBEIRA DO POMBAL

160.RIBEIRÃO DO LARGO

161.RIO DE CONTAS

162.RIO DO PIRES

163.RUY BARBOSA

164.SANTA CRUZ CABRÁLIA

165.SANTA CRUZ DA VITÓRIA

166.SANTA INÊS

167.SANTA LUZIA

168.SANTA MARIA DA VITÓRIA

169.SANTANA

170.SANTANÓPOLIS

171.SÃO FÉLIX

172.SÃO FÉLIX DO CORIBE

173.SÃO GABRIEL

174.SERRA DOURADA

175.TABOCAS DO BREJO VELHO

176.TANHAÇU

177.TAPEROÁ

178.TEIXEIRA DE FREITAS

179.TEOLÂNDIA

180.TREMEDAL

181.UBAÍRA

182.UBAITABA

183.UBATÃ

184.URUÇUCA

185.VALENÇA

186.VEREDA

187.VITÓRIA DA CONQUISTA

188.WANDERLEY

189.WENCESLAU GUIMARÃES

190.XIQUE-XIQUE

Foto: Geovana Albuquerque / Agência Saúde DF

CIB apresenta orientações para vacinação de crianças contra Covid-19

O Plano Operacional da Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) para a aplicação da vacina Pfizer, contra a Covid-19, em crianças de 5 a 11 anos, foi apresentada em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) realizada na manhã da sexta-feira (14), com a coordenadora do Programa de Imunizações da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), Vânia Rebouças. A população estimada para receber o imunizante na Bahia é de, aproximadamente, 1,5 milhão.

De acordo com a CIB, entre as recomendações da Anvisa está que a vacinação de crianças seja realizada em ambiente específico e segregado da vacinação de adultos, em ambiente acolhedor e seguro, e quando da vacinação nas comunidades isoladas, por exemplo nas aldeias indígenas, sempre que possível, que a imunização das crianças seja feita em dias separados, não coincidentes com a vacinação de adultos.

A sala em que será aplicada a vacina contra a Covid-19, em crianças de 5 a 11 anos, deve ser exclusiva para a aplicação dessa vacina, não sendo aproveitada para a aplicação de outras vacinas, ainda que pediátricas e não havendo disponibilidade de infraestrutura para essa separação, devem ser adotadas todas as medidas para evitar erros de vacinação. Além disso, a vacina Covid-19 não deve ser administrada de forma concomitante a outras vacinas do calendário infantil, por precaução, sendo recomendado um intervalo de 15 dias.

OUTRA RECOMENDAÇÕES

Para a vacinação das crianças contra a Covid-19 deve ser evitada a modalidade de drive thru e as crianças devem ser acolhidas, permanecendo no local da vacinação por pelo menos 20 minutos após a aplicação, facilitando que sejam observadas durante esse breve período. No estado, não será exigido o termo de autorização, recomendado pelo Ministério da Saúde para vacinação das crianças de 5 a 11 anos, quando a criança estiver acompanhada do pai, mãe ou responsável legal. “Só será necessário um mecanismo de comprovação, um documento, de que é o responsável”, explica a secretária da Saúde, Tereza Paim. No caso da ausência de pais ou responsáveis, a vacinação deverá ser autorizada em termo de consentimento por escrito.

Os pais ou responsáveis devem ser informados, antes da aplicação do imunizante sobre os principais sintomas locais esperados, como dor, inchaço e vermelhidão no local da injeção, e sistêmico, como febre, fadiga, dor de cabeça, calafrios, mialgia.

FRASCOS LARANJA

A vacinação das crianças nessa faixa etária será iniciada após treinamento completo das equipes de saúde que farão a aplicação da vacina, uma vez que a grande maioria dos eventos adversos pós-vacinação é decorrente da administração do produto errado à faixa etária, da dose inadequada e da preparação errônea do produto. Os profissionais de saúde, antes de aplicar a vacina, devem mostrar ao responsável que acompanha a criança que se trata da vacina contra a Covid-19, frasco na cor laranja, cuja dose de 0,2ml, contendo 10 mcg da vacina contra a Covid-19, Comirnaty (Pfizer/Wyeth), específica para crianças entre 5 a 11 anos.

As crianças que completarem 12 anos entre a primeira e a segunda dose devem permanecer com a dose pediátrica da vacina.

ORDEM REGRESSIVA

A imunização das crianças com idade entre 11 a 15 anos por ordem regressiva – 11, 10, 9, 8, 7, 6 e 5. As crianças com deficiência permanente ou com comorbidades (comprovação mediante relatório médico ou cadastro/avaliação do serviço de saúde), todas as crianças indígenas e quilombolas da faixa etária de 5 a 11 anos, todas as crianças institucionalizadas e em situação de rua (faixa etária de 5 a 11 anos) e todas as crianças em abrigos devido a situação das enchentes.

Foto: Mateus Pereira / GOVBA

Estabelecimento que desrespeitar limite de público em eventos terá aplicação de penalidades

Um decreto que determina que o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia observe a aplicação de penalidades a estabelecimentos que descumprirem o limite máximo de público nos eventos realizados no estado, foi publicado no Diário Oficial do Estado, edição desta sexta-feira (14).

Segundo o documento, as punições são: advertência escrita; multa; embargo, temporário ou definitivo, de obras e estruturas; interdição total ou parcial de obras, eventos, estabelecimentos, máquina ou equipamento e cassação do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB).

Após reunião com a secretária da Saúde do Estado, Tereza Paim, na última segunda-feira (10), o governador Rui Costa decidiu reduzir de 5 mil para até 3 mil o número máximo de pessoas em eventos em todo o território baiano, incluindo estádios de futebol. O decreto foi publicado na terça-feira (11) e vale até o dia 25 de janeiro.

Além do número máximo de 3 mil pessoas, os eventos devem obedecer à regra de lotação máxima de 50% da capacidade de cada local. Estão mantidas no decreto as obrigatoriedades da comprovação de vacinação contra a Covid-19 e do uso de máscara pelo público e demais participantes dos eventos. Essa exigência se estende a bares e restaurantes, que devem exigir dos clientes o comprovante de vacinação.

A decisão pelo reforço de medidas de maior restrição ocorre para tentar conter o aumento dos registros de H3N2 e de casos de infecção pelo coronavírus. O número de casos ativos de Covid-19 na Bahia chegou a 7.256, de acordo com o boletim mais recente divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), nesta quinta-feira (13).