Foto: Rariele Rodrigues/ MST Bahia

MST encerra marcha e libera a BR-324, após cinco dias

Os trabalhadores do Movimento Sem Terra (MST) na Bahia liberaram, no final da manhã desta sexta-feira (15), a rodovia da BR-324., após cinco dias de marcha.

Cerca de 800 pessoas, do MST na Bahia, fizeram o percurso a pé de Feira de Santana a Salvador. A Via Bahia, concessionária que administra a rodovia, que a passeata foi finalizada no KM 591, no sentido da capital baiana.

O MST diz que a ação faz parte da Jornada Nacional de Lutas em Defesa da Reforma Agrária deste ano, em defesa da terra, do direito à moradia e contra a fome que assola mais de 19 milhões de pessoas no país.

Com o lema “Reforma Agrária Popular: Por Terra, Teto e Pão”, a assessoria do MST informa ainda que trabalhadores sem terra percorrerão algumas cidades da Bahia, denunciando o assassinato dos militantes Fábio Santos e Marcio Matos e anunciando a necessidade e importância da Reforma Agrária.